Dia 21 de setembro – Dia Mundial da Conscientização sobre a Doença do Alzheimer

Atividades cerebrais ajudam a minimizar o surgimento da doença

No mês de setembro são realizadas várias atividades em prol da conscientização do Alzheimer, essas atividades giram em torno da doença que se tornou o mal do século.

Para a CEO da Ginástica do Cérebro, Nadia Benitez, vários motivos contribuem para o crescimento da doença o estresse por exemplo é o terceiro motivo que mais provoca afastamento do trabalho por mais de 15 dias, segundo dados da Previdência Social, no ranking das doenças que mais afastam os trabalhadores das atividades laborais.

No mês de setembro, entidades médicas e de apoio realizam atividades e ações já que em 21 de setembro é o Dia Mundial da Conscientização sobre a Doença de Alzheimer. Na verdade é importante lembrar que nossa sociedade está vivendo um dilema tecnológico que tem gerado alguns efeitos maléficos. É necessário que todas as pessoas, não importa a idade, se preocupem em manter o cérebro ativo e em treinamento para que as doenças neurodegenerativas não se instalem. E pesquisas apontam que a doença de Alzheimer tem sido percebida cada vez mais cedo, em pessoas com tenra idade, e preocupantemente, está sendo comum em faixas abaixo de 60 anos a presença dos primeiros sinais.

A rede de franquias da Ginástica do Cérebro estará promovendo diversas atividades em suas Unidades que estão espalhadas pelo Brasil a fim de demonstrar a sociedade a importância de estarmos atentos a esse problema.

“Infelizmente as pessoas estão descuidadas com relação aos cuidados com o cérebro. Na nossa rede há cidades que tem prevalência de alunos crianças e em outras pessoas a cima de 60 anos, contudo, os adultos de 30 a 50 anos parecem acreditar que a doença jamais acontecerá com eles, pois são muito ativos, trabalham, estudam e leem com uma certa frequência. Porém, é isso não é o bastante para afastarmos problemas como Alzheimer, e a doença pode sim acometer pessoas mais jovens. E também tem um fato importante, nós não trabalhamos uma vida inteira para chegar aos 60 anos, momento mais tranquilo da vida, e estarmos sem as memórias que fazem da nossa vida o registro do legado de tudo que construímos. Precisamos ser mais cautelosos e realmente prestar mais atenção em nós mesmo!” Alerta a CEO da Ginástica do Cérebro.

Leia mais  Rede de ensino de idiomas Rockfeller lança modelo de franquia mais econômico

Sobre

A Ginástica do Cérebro, com sede em Foz do Iguaçu, foi criada pela psicopedagoga e especialista em neuropedagogia Nadia Benitez com o apoio do seu marido Rafael Minozzo desde 2012. O Curso da Ginástica do Cérebro tem o objetivo de potencializar as capacidades cognitivas e emocionais de todas as pessoas, em qualquer faixa etária, com ou sem problemas relacionados à aprendizagem, especialmente destinada à área de lógica matemática por meio do uso do soroban que é exclusivamente fabricado no Brasil pela empresa. Apresenta um destaque especial no trabalho com crianças não-alfabetizadas, que promove um apoio na fase mais importante da vida da criança: alfabetização. A neuroaprendizagem busca promover uma maior capacidade de memória, concentração, atenção, ampliação da velocidade de raciocínio, através de jogos modernos de 2ª geração, material desenvolvido especialmente para o curso, além de apresentar atendimentos diferenciados.