Por que todo líder precisa ser vulnerável?

                                                                 Descubra alguns benefícios

Quando alguém fala sobre liderança, ou, líderes, qual é a primeira coisa que vem à sua cabeça?

A figura de alguém com uma postura rígida, fechada, mal-humorada? De uma pessoa distante e que não se abre com ninguém?

Ser vulnerável ainda é um tabu no meio corporativo, afinal, o assunto ainda está muito relacionado à fraqueza ou fragilidade de forma negativa.

Quantas pessoas você já não ouviu dizer: “o líder tem que ter todas as respostas”, “o que vão pensar se eu disser que não sei”, “vulnerabilidade é coisa de líder fraco!”.

Você acredita que compartilhar as suas emoções e demonstrar vulnerabilidade é uma fraqueza? Se você acredita que não, está correto.

Demonstrar vulnerabilidade é a base para a construção de relacionamentos humanos e também suporte para construir conexão com as pessoas.

No momento de incertezas no qual todos nós estamos vivendo, principalmente nas empresas, na relações entre líder e colaborador, a vulnerabilidade se transformou em uma competência fundamental para gestores, gerentes, líderes e profissionais de RH.

Para os profissionais que ainda não entendiam a importância de ser vulnerável em ambientes corporativos, a pandemia trouxe a possibilidade de novas reflexões.

Já que não houve uma só pessoa no mundo que não tenha sentido medo e passado por episódios de ansiedade, dentre outras emoções.

E é exatamente em momentos como esses em que todos os olhos se voltam para as lideranças, que as pessoas se perguntam: “E agora, eu preciso de um super-herói que tenha todas as respostas”. Não!

Leia mais  Como lidar com os medos no mundo corporativo por Paulo Alvarenga (P.A.)

 

A real necessidade não é a de um líder super-herói, mas de um que esteja no mesmo barco, que tenha empatia pelas dificuldades e compreenda o que está acontecendo, e, isso só é possível, se ele conseguir demonstrar ser vulnerável.

Todos nós, líderes ou não, precisamos de ligações e conexões emocionais. Para Brené Brown, escritora americana e especialistas em temas como coragem e  vulnerabilidade:

“Conexão é o motivo de estarmos aqui, é o que dá propósito e significado à nossa vida.

Se você parar para pensar, suas relações mais profundas são aquelas em que houve uma troca muito profunda, em que um se demonstrou vulnerável para o outro.

Para ser um líder inspirador não basta ser confiável e tomar boas decisões, é preciso demonstrar vulnerabilidade também.

 

Veja os benefícios de demonstrar vulnerabilidade em sua liderança:

  • Ajuda a criar uma cultura de equipe
  • Gera conexão autêntica com o time
  • Cria um sentimento de cooperação entre todos
  • Constrói relações de confiança
  • Fortalece a lealdade

Segundo ainda Brené Brown, a vulnerabilidade é o berço da inovação e da criatividade. Para aumentar a sensação de que é seguro tentar coisas novas e até falhar, praticar a vulnerabilidade é essencial.

Quer construir uma liderança de forma autêntica, aprendendo no dia a dia demonstrar sua vulnerabilidade?

Participe do Método Six Box de Segurança Psicológica para Líderes, um curso 100% gratuito e online, e mude essa realidade desenvolvendo a autoliderança e o poder de influência para engajar seu time e criar conexão de formar verdadeira.

Acesse: bit.ly/MetodoSixBoxparaLideres e garanta sua vaga!

Um abraço,

Paulo Alvarenga (P.A.)

CEO & Founder da Mastersoul