Tendências de confeitaria: Douglas Santos conta tudo em bate-papo exclusivo

O confeiteiro Douglas Santos dá dicas sobre bolos e doces para todos os tipos de ocasiões

Por Priscilla Silvestre / Imagens: Divulgação

Que o brasileiro gosta de comer, isso é indiscutível. Mas quando estamos falando de confeitaria, os números do País são aproximadamente de 63 mil estabelecimentos só nesse ramo.

Por isso, as tendências são constantes e a reciclagem dos profissionais também.

Afinal, agradar a todos os gostos (e até bolsos), além de adaptar sonhos e paladar em cada detalhe, é para poucos.

Conversamos com Douglas Santos, de Ubatuba (litoral de SP) que se mudou para a capital em busca de trabalhar com aquilo que ama desde criança: a confeitaria.

Hoje, além de atuar na área, também ministra cursos em vários centros culinários, o que para ele é uma maneira de não só transmitir os seus conhecimentos, mas também lapidar aquilo que ele sabe.

Confira o bate-papo com ele e descubra as tendências no assunto!

Para o 2º semestre de 2019, quais tipos de bolos (formatos, cores e ornamentações) mais estarão em alta? Por quê?

Douglas Santos – Bolos cobertos e decorados com pasta americana sempre são tendência. Mas, a cobertura e decoração em “Chantininho” estão em alta em 2019.

Bolos lisos, espatulados, com trabalhos de bicos, com muita cor e brilho, se mantêm entre os mais pedidos. As opções de decoração vão do clássico ao moderno e permitem o uso de cores e muito brilho, de acordo com cada tema e ocasião.

Além disso, topos personalizados em scrap ou de acrílico se adequam aos temas e valorizam ainda mais a decoração.

Bolos texturizados também têm seu espaço. Efeitos em coberturas de chantininho deixam as decorações ainda mais charmosas. Algumas reproduzem tronco de árvore, papel alumínio, aveludado e outros mais que prometem vir com tudo.

E quanto aos sabores (tanto da massa, quanto do recheio), o que vem de novidade ou que está sendo muito pedido?

DS – As massas de baunilha e chocolate ainda são as mais pedidas. Mas, as massas saborizadas também têm seu espaço: massa de nozes, canela, com essências ou pastas saborizantes.

Estas massas com recheios em harmonia são opções para quem quer fugir do básico e experimentar novos sabores.

Já quem não quer errar, que tipo de bolo deve escolher (massa/recheio e até mesmo acabamento)?

DS – Se tratando de comemorações, bolos básicos são ótimas opções: massa de baunilha com recheio de creme pâtisserie (ou brigadeiro branco) ou massa de chocolate com recheio de brigadeiro.

Leia mais  Marcio Giordano, piloto da Mercedes Bens faz historia na categoria Race Cup

Uma dica é pensar em uma combinação harmônica dos sabores de massa e recheio: caso opte por um recheio muito doce, escolha uma massa mais suave ou um recheio mais suave com uma massa mais doce. Esta dica garante que o bolo não fique doce demais.

A cobertura de “chantininho” é saborosa e possibilita uma bela decoração. Um bolo simples, bem decorado e saboroso só pode ser sucesso.

Aposte no clássico, que agrada a todos, e é perfeito para as mais variadas ocasiões.

Douglas Santos é confeiteiro e ministra cursos por diversos centros culinários

Quais dicas você dá para que a pessoa leve em consideração na hora de escolher o bolo para determinada ocasião?

DS – É importante considerar alguns dados: quantidade de pessoas, sabor que possa ser aceito pela maioria ou, caso haja um homenageado, o sabor que mais agrade.

Além disso, é preciso ter definido o tema da ocasião e o tipo de cobertura/decoração desejada (pasta americana, chantilly, chocolate etc.).

Outras informações serão importantes para o profissional que irá confeccionar os bolos e/ou doces: horário da festa, localização e clima, quanto tempo o bolo ficará exposto na mesa e mais alguma informação que ele julgue importante.

Nem só de bolos “vive” uma festa ou confraternização. Quais doces estão em alta e quais são aqueles que nunca podem faltar, independentemente da ocasião?

DS – Os anos passam e o brigadeiro ainda é considerado o queridinho nas comemorações.

Atualmente, as variações de sabores são infinitas, agradando ainda mais os convidados.

Nas versões gourmet, trazem sabores e requinte às ocasiões. Além dos sabores, a variedade das embalagens valoriza ainda mais e compõe a decoração do ambiente.

Exemplo de bolo “Chantininho”

Com quanto tempo de antecedência você aconselha que as pessoas façam as encomendas?

DS – Trabalhos personalizados são projetos únicos e levam tempo para serem definidos.

É necessário alinhar com o profissional que irá confeccionar as encomendas detalhes, como sabores, decorações e embalagens (seja para bolos e/ou doces).

Além disso, é preciso levar em consideração a agenda do profissional, pois há outras encomendas atendidas por ele.

Festas e comemorações são definidas com antecedência, pois requerem organização.

Nesse caso, com as datas e detalhes definidos, o quanto antes entrar em contato para fazer sua encomenda é melhor. Assim, não há riscos de ter seu pedido negado por falta de espaço na agenda do profissional ou até mesmo por não haver tempo hábil de confeccionar o que foi desejado.

Serviço:

Douglas Santos Confeitaria

Instagram – @douglas.santosds – Fan Page /douglas.santosds1

WhatsApp/Tel.: (11) 96422-3648