Alimentação e o Climatério

Climatério  é a fase de transição entre o período reprodutivo e o não-reprodutivo de toda mulher. Ela costuma ocorrer entre os 35 e os 65 anos de idade e se caracteriza pela redução da produção do estrogênio e da progesterona, o que leva a importantes alterações no corpo da mulher.

É durante o climatério que ocorre a menopausa, que, tecnicamente, é o nome dado à última menstruação, que encerra a vida fértil da mulher. Um grande desafio para mulher .

O que nem todas sabem, porém, é que a alimentação pode funcionar como ótima aliada, “preparando” o organismo para lidar da melhor forma com os sintomas e os desconfortos da menopausa.

Recorrer aos vegetais, em especial, à soja e seus derivados, é uma forma natural de aliviar os sintomas da menopausa, por sua riqueza em princípios ativos que compensam a alteração hormonal. Adicione às suas refeições o tofu, o leite de soja, o molho shoyu e o edamame, que são alimentos derivados da soja.

Leia mais  As Fibras alimentares e sua a necessidade diária

Alimentos ricos em vitaminas A, E, B e C, e minerais como o cálcio, ferro, magnésio e fósforo são recomendados por conterem antioxidantes naturais, que, entre outros, têm efeitos positivos sobre a pele e sobre o sistema imunológico. Cereais integrais, frutas e verduras amarelas e vermelhas, hortaliças, ovos cozidos, nozes e amêndoas, gergelim, lentilha, ervilha, feijões e grão de bico são ótimas opções.

Não é preciso que você tente resolver sozinha os desconfortos do climatério. Existem soluções saudáveis – e um nutricionista pode ajudar muito a encontrar algumas delas – para que você viva este momento de forma tranquila, de bem com o seu corpo e com essa nova fase da sua vida!

CRN 44442

+55 11 99993 0039

Julianavl.ju@gmail.com