Motel usa criatividade para driblar a crise

Em tempos de pandemia, os motéis estão se transformando em verdadeiros oásis no meio do stress. Os espaços estão se transformando em alternativas para relaxamento, além de cenários para gravação de lives, podcasts, videoclipes e até comemorações de aniversários, ampliando as possibilidades de negócios e tomando todos os cuidados de distanciamento social. 

A criatividade e a utilização de redes sociais como ferramentas de divulgação do negócio são ferramentas fundamentais para se manter no mercado, fugindo da crise e mantendo fluxo de  clientes e faturamento.
Conversamos com Débora Kiyomura, relações públicas do Motel Champanhe, um dos mais tradicionais do Estado de São Paulo, localizado na cidade de Santo André e que celebra 35 anos de existência:

O empreendimento utiliza promoções e ações de relacionamento para movimentar os negócios: aniversariantes ganham bebidas no dia do aniversário e também apostam em gastronomia servindo café da manhã, chá da tarde, sorvetes, refeições e pizza, transformando o período em uma experiência marcante.

Como vocês garantem a privacidade dos seus clientes?

A privacidade do casal é garantida desde a entrada com total discrição e sigilo com a identidade dos clientes. A privacidade continua com garagens particulares em cada suíte, casa haja algum pedido de serviço de quarto há um compartimento para passar pedido sem que haja a necessidade de qualquer interação entre o hóspede e a camareira. E claro até mesmo na fatura não vem o nome ‘’motel’’ escrito, prezamos a discrição e a privacidade para que tenham uma experiência agradável.

Com a expansão do mercado de Motéis, a busca por um lugar que proporcione uma experiência pelo público cresceu. Como vocês veem essa questão da busca por experiência positiva nos seus visitantes?

Leia mais  RJ recebe debate sobre inclusão social nessa quarta, dia 10

Essa busca por experiência positiva não é apenas na Motelaria, as pessoas estão de um modo geral querendo algo mais personalizado, que traga boas memórias não a curto prazo, o que acreditamos ser algo maravilhoso, pois, sempre buscamos novidades, tendências, até mesmo uma releitura do vintage, assim cada vez que o hóspede retorna se torna uma experiência única.

Hoje se fala muito sobre identidade, identidade tanto no universo virtual quanto no real. Qual a identidade do Motel Champanhe, também abordando a estrutura do local e a estratégia de decoração interna.

O Motel Champanhe existe há mais de 35 anos, sendo bastante conhecido na região do ABC, sua identidade sofreu diversas transformações ao longo do tempo sem perder a essência do motel tradicional, com espelhos no teto e neon. Em breve teremos novidades.

Falando um pouco sobre marketing, como vocês buscam atrair clientes e também fidelizar esse cliente?

A nossa equipe de multidisciplinar traça uma boa estratégia utilizando as redes sociais e propagandas on e off line, e estudamos muito as tendências do mercado como um todo, para nós o importante é que o hóspede tenha uma boa experiência, a fidelização de nossos clientes ocorre de maneira muito fluída, através de um bom atendimento, promoções, etc.

A pandemia ampliou o uso das tecnologias em todos os segmentos profissionais. Como vocês a utilizaram nesse período e ainda pretendem utilizar daqui em diante?
Com a pandemia a tecnologia ajudou a deixar as pessoas mais próximas, ainda que fisicamente distantes, nós utilizamos através do marketing digital, os quartos tem wi-fi o que permite o acesso a internet, a nossa geração é extremamente conectada.


Redes sociais:

Site: www.motelchampanhe.com.br
Instagram: @motelchampanheoficial