Startup brasileira vence licitação internacional e enviará purificadores para 7 países em crises humanitárias

A licitação internacional para fornecimento de 240 aparelhos beneficiará países como Malawi, Kiribati, Tuvalu, Paquistão, Suriname, Líbano e Gâmbia

Tecnologia desenvolvida no Brasil ganha licitação internacional para fornecimento de 240 purificadores de água coordenada pelo UNOPS (Escritório das Nações Unidas de Serviços para Projetos). Os países beneficiados com a inovação são: Malawi, Kiribati, Tuvalu, Paquistão, Suriname, Líbano e Gâmbia – que sofrem diariamente com a escassez hídrica desencadeada por eventos climáticos e conflitos armados.

A solução foi criada em 2019 pela startup PWTech, em parceria operacional com duas importantes universidades públicas: a Escola Politécnica da Universidade de São Paulo (POLI-USP) e a Universidade Federal de São Carlos (UFSCar). Intitulada como PW5660 – o equipamento de filtragem – é capaz de purificar quase 6 mil litros de água por dia, eliminando 100% de vírus e bactérias, e reduzindo até 99,5% das partículas presentes na água, tornando-a própria para o consumo humano.

Inicialmente, a startup tinha como objetivo garantir água potável em regiões remotas do Brasil. Mas, desde 2022, o equipamento passou a ser referência na contingência de situações de calamidade ao redor do mundo, como a Guerra da Ucrânia iniciada em fevereiro; a sequência de desastres naturais em Tonga, em janeiro deste ano; e o terremoto de 7,2 º de magnitude que devastou o Haiti, em agosto de 2021.

Leia mais  Sequela deixada pela Covid tem atrapalhado retomada de atividades físicas, aponta especialista

“Quando nos deparamos com uma situação de crise humanitária, a escassez de água potável muitas vezes é um dos principais problemas que precisam de uma solução imediata. Nós ficamos extremamente orgulhosos por termos desenvolvido uma tecnologia capaz de ajudar as pessoas ao redor do mundo, no momento em que elas mais precisam de apoio”, afirma o CEO da PWTech, Fernando Silva.

*Sobre o UNOPS

O UNOPS é o organismo das Nações Unidas que presta serviços de infraestrutura, compras e gestão de projetos para um mundo sustentável. Em todo o mundo, o Escritório oferece ao sistema ONU, seus parceiros e governos soluções nas áreas de assistência humanitária, desenvolvimento, paz e segurança. Sua missão é ajudar as pessoas a construírem vidas melhores e os países a alcançarem a paz e o desenvolvimento sustentável.

Sobre a PWTECH

Fundada em 2019, a PWTech é uma startup brasileira voltada para a purificação de água contaminada. A solução funciona de forma simples: basta conectar o equipamento na água e ligá-lo que, em poucos minutos, a água já sai pronta para ser consumida. Nesses três anos, a startup foi reconhecida pela ONG BrazilLab e acelerada por programas da Ambev e da prefeitura de Curitiba. No início de novembro, foi premiada em 2° lugar no Ranking Water and Sanitation pela plataforma 100 Open Startups.